Expert on Luma de Oliveira? She needs your help. Add biography, facts, photos, videos along with any other details about Luma de Oliveira, like tattoos, hook-ups or relationships.

Luma de Oliveira

Luma de Oliveira
= Biografia = Caçula de uma família de seis irmãos, desde cedo chamou a atenção pela beleza, que tem resistido ao tempo. Estreou como modelo aos 16 anos, em São Paulo.

DETAILS

0 Thumb it up Thumb it down

+ Add to my chicks

4664 Views

About

Birthday
1965-12-04
Nickname
Luma de Oliveira
Birthname
Luma de Oliveira
Sign
Sagittarius
Hometown
Nova Friburgo Rio de Janeiro
Country
Brazil
Ethnicity
Latino
Height
5'7"
Weight
Add
Job
Atriz Modelo Empresária
Hobbies
Add
Assets
Add
Vices
Add
Tattoos
Add
Piercings
Add
Hair
Add
Eyes
Add
Breast
36
Waist
26"
Hips
0"
Dress
Add
Legs
"
Shoes
Add

= Biografia =

Caçula de uma família de seis irmãos, desde cedo chamou a atenção pela beleza, que tem resistido ao tempo. Estreou como modelo aos 16 anos, em São Paulo. Já morou no Japão durante quatro meses, a trabalho. Tornou-se, também, famosa por seus namorados do passado. Entre eles, está o ex-jogador de futebol e técnico Renato Gaúcho.

É recordista em ensaios eróticos para a revista Playboy, tendo posado cinco vezes para a revista que sempre bate recordes de venda quando Luma aparece na capa.

Em 1991, Luma casa-se com o megaempresário Eike Batista, apesar da forte oposição da família dele. Com o casamento, abandonou a carreira artística e teve dois filhos.

Em 2004, a separação de Eike e Luma repercute intensamente na mídia. A separação coincidiu com um período em que era grande a exposição de Luma no noticiário, pois, rompendo um acordo tácito que teria feito com o marido, voltou a desfilar no Carnaval carioca, posou para revistas masculinas e também para um calendário do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro.

Também no Carnaval, como madrinha de baterias de escolas de samba cariocas, Luma é avessa a manter fidelidade por muito tempo. Na década de 80, começou na Tradição. Depois foi para a Viradouro, onde ficou por cinco anos. A escola de Niterói dispensou-a em 2003, pois faltou aos ensaios. Em 2004, anunciou que desfilaria pela Mocidade Independente, mas acabou desistindo, sob a alegação de que estava grávida, o que não era verdade. Verdadeiro era o ciúme do marido. Em 2005, depois de anunciar que desfilaria pela Vila Isabel, saiu na Caprichosos de Pilares.

Quando estava na GRES Tradição, desfilou com uma coleira em que se lia o prenome do seu então marido, Eike Batista, o que provocou muita polêmica na época.

Como atriz, teve carreira curta. No cinema, atuou nos filmes "O Noviço Rebelde" (1997); "Boca ... Celeste" (1994); "Boca de Ouro" (1990) e "Os Heróis Trapalhões - Uma Aventura na Selva" (1988).

Na TV, Luma de Oliveira atuou nas novelas "Meu Bem, Meu Mal" (1990) e "O Outro" (1987).

Luma de Oliveira atua no ramo de cosméticos, através da FLX Consultoria e Franchising Ltda., que detém a marca fantasia Clarity.

Em 2005, desistiu de fazer, no cinema, o papel que foi de Sônia Braga no clássico de Nelson Rodrigues, "A Dama do Lotação". A produção do final dos anos 70 foi uma das maiores bilheterias do cinema nacional. Luma alegou que o filme poderia causar constrangimentos aos seus filhos adolescentes.

Luma de Oliveira Carreira



Atuação no cinema



  • 1997 - O Noviço Rebelde
  • 1994 - Boca ... Celeste
  • 1990 - Boca de Ouro
  • 1988 - Os Heróis Trapalhões - Uma Aventura na Selva



Atuação na TV



  • 1990 - Meu Bem, Meu Mal - Ana Maria
  • 1987 - O Outro - Dedé



Luma e o carnaval



Não é de hoje que a empresária, dançarina e atriz Luma de Oliveira entende de carnaval, e em 1987 no auge de sua exuberância, foi Rainha da Bateria, da Caprichosos de Pilares e sacudiu o sambódromo com os seios de fora. Depois disso caiu nas graças dos brasileiros como um símbolo sexual que permanece até hoje.

Em 1998, rainha incontestada e brincalhona adicionou à fantasia uma coleira com o nome do marido, o mega empresário Eike Batista, trazendo muita polêmica. Além da Caprichosos e Viradouro, a musa dos carnavais ficou por um bom tempo a frente da bateria da “Tradição”.

Cinema e TV



Da Sapucaí Luma foi trabalhar na televisão, e em março dz 1987, estreou na Novela “O Outro”, Da TV Globo,escrita por Agnaldo Silva. No ano seguinte em 1988, Luma foi convidada para fazer o filme “os Heróis Trapalhões e Uma Aventura na Selva”, estrelado pelos 4 trapalhões, Didi, Dedé, Zacarias e Mussum, e foi um dos filmes que mais fez sucesso.

Em 1990 ela fez o filme “Boca de ouro”, baseado na obra de Nelson Rodrigues e fez uma participação especial na novela “Meu Bem Meu Mal”. Em 94 com seus 29 aninhos e linda de matar, fez o filme “Boca”, dirigido por Walter Avancini.

Depois disso passou um tempo longe dos holofotes e em 1997 estava de volta as telas de cinema brasileiro em outro filme, desta vez, “O noviço Rebelde”, estrelado por Renato Aragão (Didi),e Dedé Santana e um elenco de estrelas , como Chitãozinho e Xororó Tony Ramos e Gugu Liberato.

A beldade ainda pousou para as revista Vip e por duas vezes foi capa da Playboy. sendo da ùltima vez em 2005 com seus 40 anos de idade e com um corpo de dar inveja a qualquer garota de 18 anos.

Escândalos



Luma não é só alegria. Ela se envolveu em vários escândalos, dentre eles, em 2004, Luma cedeu seu posto de madrinha de bateria da Mocidade Independente de Padre Miguel, justificando que estaria grávida de dois meses do marido, o empresário Eike Batista. Menos de um mês depois, a própria Luma admitiu que tinha inventado a gravidez para tentar salvar seu casamento.

Ela disse na ocasião que recebeu um ultimato do marido, que mandou que ela optasse entre ele ou o carnaval. Mas a farsa não adiantou em nada e Luma acabou pedindo o divórcio. Quatro meses após a morte da mãe, Luma de Oliveira se envolveu no maior escândalo de sua vida.

Ao ser flagrada por um paparazzi num resort na Bahia, um suposto namorado da empresária agrediu o fotógrafo e teria até torturado o rapaz. O fotógrafo, que registrou queixa contra Luma e seu suposto acompanhante, afirmou que ela foi cúmplice da agressão, já que teria visto tudo.

Ela negou todas as acusações e não comentou com quem estava hospedada no resort. No início de 2002 ela processou um profissional que fez fotos dela no ensaio da escola de samba Viradouro. As imagens mostravam mais do que deviam e ela pediu uma retratação.

E os problemas com a imprensa não ficaram restritos ao Brasil. Em meados de 2005 o jornal inglês The Independent publicou uma foto da musa do carnaval para ilustrar uma reportagem sobre políticos e funcionários de uma montadora de automóveis com prostitutas brasileiras. Luma de Oliveira processou o jornal, que publicou uma retratação pedindo desculpas a ela pelo ocorrido, fato que não foi suficiente para demovê-la da ação na Justiça.

Luma de Oliveira também teve problemas com sua franquia do ramo de cosméticos, a Clarity, criada pela FLX Consultoria e Franchising, de seu ex-marido, Eike Batista. A Clarity foi acusada por ex-franqueadas de quebra de contrato por não ter mantido exclusividade de seus produtos, como previam as cláusulas. Luma então foi condenada a pagar mais de R$ 2 milhões a micro-empresários.

Luma de Oliveira on the Web

Luma de Oliveira Buzz